Eu não sou promíscua. Mas sou caleidoscópica: fascinam-me as minhas mutações faiscantes que aqui caleidoscopicamente registro. C.L.



sexta-feira, 3 de fevereiro de 2012


Não é como se fosse amor à primeira vista, na verdade. É mais como… ação da gravidade. Quando você a vê, de repente não é mais a terra que está te segurando aqui. Ela te segura. E nada importa mais do que ela. E você faria qualquer coisa por ela, seria qualquer coisa por ela… Você se torna qualquer coisa que ela precisa que você seja. Seja o protetor dela, ou um amante, ou um amigo, ou um irmão.

Jacob Black

2 comentários:

  1. Dae Renatinha......não tinha noção que vc tinha um blog.....amei!
    Super legal.....mas sinto um pouco de inveja de saber que vc publica todos os dias!
    Eu nunca consegui isto! kkk
    Beijos e sucesso!

    ResponderExcluir
  2. Oi Aline, quanto tempo!
    Pois é, faz um tempinho já que eu tenho ele, tento me esforçar ao máximo para postar todos os dias!
    Mas é questão de tempo, você vai ver... daqui uns dias vai postar várias vezes no mesmo dia! haha
    Beijos, à você também!

    ResponderExcluir